Médico é preso acusado de abusar sexualmente de pacientes em Passo de Camaragibe, AL

O médico Adriano Antônio da Silva Pedrosa, foi preso nesta sexta-feira (29), após denúncias de mulheres da Cidade de Passo de Camaragibe. Ele está detido no Presídio Baldomero Cavalcante, na parte alta de Maceió.

O médico teve a prisão decretada pela Justiça após denúncias de mulheres da cidade de Passo de Camaragibe. As vítimas procuraram o promotor de justiça Ary de Medeiros Lages Filho, titular da Promotoria de Passo, quando relataram que eram obrigadas a ficarem sem as roupas, na frente do médico, durante exames no posto de saúde na localidade de Marceneiro, Zona Rural da cidade.

Ainda segundo as vítimas, no consultório médico, Adriano Pedrosa vestia as luvas cirúrgicas e começava molesta-las, sob o pretexto de investigar se as pacientes estavam ou não com alguma doença nos órgãos genitais.

No entender do promotor o médico praticou crime de violação sexual mediante fraude, pois nenhuma das mulheres falou ou indiretamente tinha alguma doença em seus órgãos genitais.

O caso mais recente ocorreu em 1 de fevereiro deste ano, quando uma paciente buscou atendimento na unidade básica de saúde: “Ela estava com uma dor na virilha e foi atendida pelo denunciado. Relatou o fato ao médico e, o mesmo, em vez de tomar as providências pertinentes ao caso, ludibriou-a, levantando a sua blusa, apalpando seus seios e tirando sua calcinha. Em seguida, ele colocou uma luva com gel e tocou o órgão genital da vítima, que questionou sobre a necessidade daquela conduta. O médico respondeu que estava tentando fazê-la expelir algum líquido que, por ventura, a paciente tivesse retido”, diz um trecho da ação. Tal procedimento teria durado cerca de 40 minutos.

O caso chegou ao conhecimento do Conselho Regional de Medicina de Alagoas (Cremal), cujo o presidente, médico Fernando Pedrosa garantiu que se houver indício de infração, a entidade abre processo contra o profissional que será julgado e decidida punição, que pode ir de uma advertência à cassação.

(Visited 3 times, 1 visits today)